Bola da Copa do Mundo a Al Rihla

Lançada nesta quarta-feira, a bola da Copa do Mundo de 2022 tem na velocidade de voo seu grande trunfo para ser um sucesso. A Adidas, fabricante do equipamento, afirma que a Al Rihla será “a bola mais rápida das Copas” e promete que o aperfeiçoamento do material permitirá uma maior precisão nos chutes dos jogadores que brilharão no Catar no fim deste ano.

A fabricante é responsável por criar novos modelos para a Copa do Mundo da Fifa desde 1970, com a Al Rihla sendo a mais nova integrante de uma sequência de 14 bolas. E, de acordo com os responsáveis pelo projeto, ela começou a ser trabalhada logo após o Mundial de 2018, na Rússia, com o objetivo de chegar justamente a um resultado impactante.

Segundo Franziska Loeffelmann, diretora de design da divisão de materiais e estampas de futebol da Adidas, “o novo desenho permite que a bola mantenha uma velocidade significativamente maior durante sua trajetória no ar”.

Nossa meta foi tornar o impossível, possível, utilizando inovação radical para criar a bola mais rápida e precisa da Copa do Mundo até hoje, à altura do maior palco esportivo mundial – disse.

A fabricante garante que a Al Rihla “viaja mais rápido em voo do que qualquer outra em uma Copa do Mundo”, depois de realizar inúmeros testes em laboratórios com túneis de ventos e também nos gramados. Participaram dos testes 350 jogadores, entre homens e mulheres, como atletas do Manchester United e do Bayern, além das seleções de México e Alemanha. E Franziska garante a aprovação.

QUEM VAI VENCER ESSE JOGO?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.