Notícias

Campinense sofre gol no finalzinho e empata com o Atlético-PB no Perpetão

Foi frustrante para o time visitante. O Campinense entrou em campo no Estádio Perpetão e jogou melhor em boa parte da partida contra o Atlético de Cajazeiras. O Rubro-Negro chegou a abrir o marcador no primeiro tempo, com Marcos Nunes, aproveitando um rebote numa cobrança de pênalti. O time de Campina Grande seguiu melhor, mas acabou perdendo fôlego após recuar demais ao longo do segundo tempo. Isso acabou beneficiando o Trovão Azul, que conseguiu um empate aos 47 minutos, com gol de França. Um resultado que acabou sendo ruim para as duas equipes.

PRIMEIRO TEMPO
A primeira etapa foi legal, movimentada e com os dois times buscando o gol. O Campinense foi superior, tomou conta da posse de bola e conseguiu criar boas jogadas. Mas se enganou quem pensou que o Atlético-PB estava dormindo. O time da casa conseguiu chegar com perigo ao gol adversário, mas parou numa boa atuação de Mauro Iguatu, que estava estreando com a camisa rubro-negra. No finalzinho da primeira etapa, Matheus Régis sofreu um pênalti. A cobrança foi desperdiçada por Marcos Nunes, que se aproveitou do rebote para abrir o marcador. Foi o último ato da primeira metade do jogo.

SEGUNDO TEMPO
O segundo tempo foi bem mais mortno que o primeiro, o Campinense conseguiu chegar, mas foi se acomodando. O time rubro-negro ainda contou com mexidas bastante defensivas do técnico Ranielle Ribeiro, que acabou escalando mais defensores e sacando os atletas do campo de ataque. Foi dessa maneira que o Trovão Azul foi chegando, mas parou em Mauro Iguatu e também na deficiência técnica. Ao final da partida, nos minutos finais, os atleticanos conseguiram empatar numa bola lançada para a área, que desviou em Daniel Justino, da Raposa, e sobrou para França completar para o gol. Um empate frustrante para os visitantes, mas de alívio para os donos da casa. Ainda teve tempo para o árbitro Wagner Reway distribuir cartões vermelhos, mas ficou por isso mesmo.

OS TIMES
ATLÉTICO-PB: Geison, Alex, Renan, Lua Cleyton e Lau (Tchê Tchê); Edgar Lopes (Ramon), Chiclete (Herbert), Renan Henrique e Wellington Saci (Duílio); França e Guerreiro (Wanderson). Técnico: Fininho.

.

CAMPINENSE: Mauro Iguatu, Felipinho (Iago Leite), Michel Bennech, Cleiton e João Victor; Patrick, Rafinha e Edinho Corrêa (Allefe); Matheus Régis, Marcos Nunes (Vitinho) e Cláudio (Daniel Justino). Técnico: Ranielle Ribeiro.

Categorias:Notícias, Noticias

Marcado como:

Para que time você torce?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.