Notícias

Santos perde da LDU, mas avança às quartas de final

Peixe garante vaga para enfrentar Grêmio ou Guaraní-PAR por ter feito dois gols como visitante, no jogo de ida

Vaga e confusão

érica. Na noite desta terça-feira, na Vila Belmiro, o Peixe perdeu por 1 a 0 da LDU, mas confirmou a vaga por ter vencido a partida de por 2 a 1, no Equador. Critério de desempate na competição sul-americana, os gols como visitante foram salvadores. O time brasileiro foi até melhor na maior parte do jogo, mas não conseguiu transformar em gols as boas chances criadas. A LDU, por sua vez, foi mais eficaz e, inclusive, teve a chance de fazer 2 a 0 e avançar. O Santos contou com a sorte. A equipe brasileira, no fim, se classificou no limite e ainda teve uma confusão generalizada nos acréscimos, com três expulsões. De qualquer forma, o sonho do tetra segue vivo…

E agora?


Na próxima fase, o Santos vai encarar o vencedor do duelo entre Grêmio e Guaraní, do Paraguai. Os dois times se enfrenta na quinta-feira, às 21h30, em Porto Alegre. Na ida, em Assunção, os gaúchos venceram por 2 a 0. As partidas das quartas de final serão realizadas nas próximas duas semanas, com datas a definir.

Primeiro tempo


Mesmo com a vantagem construída no jogo de ida, no Equador, e podendo até perder por 1 a 0 para avançar, o Santos começou a partida acelerado. Logo no primeiro minuto chegou com perigo e quase abriu o placar em chute por cima de Felipe Jonatan. Aos seis, Kaio Jorge assustou à LDU com cabeceio perigoso após cruzamento de Pará. O goleiro Gabbarini, depois, teve trabalho com chute de fora da área de Diego Pituca e finalização à queima-roupa de Kaio Jorge, após passe em profundidade. A LDU acordou aos 25 minutos, quando Borja aproveitou rebote de Lucas Veríssimo e bateu colocado. Quase gol! Alcívar, na sequência, arriscou em falta e viu John defender. Mas a melhor chance do primeiro tempo foi do Santos, aos 29. Soteldo cruzou da esquerda, em cobrança de falta, e Lucas Braga desviou, acertando o travessão. No geral, o Santos foi bem melhor do que a LDU. Chegou outras vezes com perigo na etapa inicial, mas não conseguiu ser eficaz e abrir o placar.

Segundo tempo


Assim como no primeiro tempo, o Santos começou com tudo indo para cima da LDU. Chegou com Diego Pituca e depois com Marinho, em dois chutes cruzados que assustaram o time equatoriano. Sem conseguir transformar as boas chances em gol, o Santos deu espaço para a LDU. E o time visitante conseguiu abrir o placar aos 19 minutos, quando Zunino aproveitou rebote do chute de Caicedo na trave. O VAR precisou analisar o lance, inicialmente anulado por impedimento, mas confirmou o gol. No limite, o Santos foi mais cauteloso, mas não desistiu de atacar. A LDU, no entanto, precisava de mais um gol para conquistar a vaga e quase marcou, em chute da pequena área, com Zunino, aos 34. O Peixe, com mais volume durante a maior parte do tempo, ainda tentou com Marinho duas vezes, mas parou na falta de pontaria. Já nos acréscimos, houve confusão entre os jogadores das duas equipes. Mas a classificação do Santos, no fim, foi conquistada.

Categorias:Notícias, SANTOS

Para que time você torce?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.