Brasileirão Série C

Santa Cruz vence Remo e garante liderança do Grupo A

Com três rodadas de antecedência, o Santa Cruz não perde mais a primeira posição do Grupo A da Série C. A certeza veio com muita emoção. Conta o vice-líder, no Mangueirão, o Santa só chutou quatro vezes, contra 21 do Remo, e contou com um gol de Jeremias e um pênalti cobrado por Caio Mancha, além de uma grande atuação de Maycon Cleiton, com direito a defesa de pênalti , para vencer por 2 a 0.

O Santa Cruz até tentou um domínio da posse de bola, mas durou pouco. O Remo teve mais facilidade na criação de jogadas ofensivas ao longo de toda a etapa inicial, indo para o intervalo com 10 finalizações contra apenas duas do Santa. Dessas, foram ao menos cinco chances reais de gol para o Leão, enquanto o Santa não conseguia furar a defesa azul.

O amplo domínio do Remo foi evidente na etapa inicial, a partir de uma proposta de linhas de marcação alta e intensidade desde a defesa. O Leão se postava bem e, entre erros da defesa, jogadas rápidas ou jogadas trabalhadas era presença constante na área de Maycon Cleiton, que teve que trabalhar algumas vezes para manter o zero no placar.


SEGUNDO TEMPO
O Remo não precisou nem de dois minutos para ameaçar o gol coral duas vezes. Na primeira, Célio Santos precisou aparecer para salvar; na segunda, defesaça de Maycon Cleiton para desviar para o travessão. Mas no primeiro sinal de cansaço do lado paraense, o Santa aproveitou. A primeira subida na segunda etapa foi aos 13 minutos, com Leonan, pela esquerda. No cruzamento rasteiro, Jeremias apareceu por trás da defesa e concluiu.

A vantagem aumentou com cinco minutos, quando Hélio foi expulso. Mas, aos 24, Jeremias falhou na defesa e fez um pênalti. Na cobrança, Maycon Cleiton foi gigante, defendeu o chute, defendeu o rebote, viu mais duas tentativas do Remo e ficou com a sobra. Em desvantagem, o Remo foi ao ataque, mas esbarrou no grande dia de Maycon, que manteve a vitória coral. Aos 45, o Santa ainda ganhou um pênalti, batido por Caio Mancha, para dar valores finais à vitória.


FICHA DO JOGO
Clube do Remo 0
Vinícius; Ricardo Luz, Mimica, Rafael Jansen e Marlon; Lucas Siqueira, Charles (Júlio Rusch) e Carlos Alberto (Felipe Gedoz); Gustavo Ermel (Ronald), Hélio e Eron. Treinador: Paulo Bonamigo.

Santa Cruz 2
Maycon Cleiton; Bileu (Jeremias), Célio Santos, Elivelton e Leonan; André, Tinga (João Cardoso) e Didira; Jáderson (Negueba), Lourenço e Victor Rangel (Caio Mancha). Treinador: Marcelo Martelotte.

Local: Mangueirão, em Belém/PA
Gol: Jeremias (13’/2ºT), Caio Mancha (45’/2ºT | SAN)
Cartão Vermelho: Hélio (REM)
Arbitragem: Rafael Martins de Sá (RJ)
Assistentes: Thiago Rosa de Oliveira (RJ) e Wallace Muller Barros Santos (RJ)

Para que time você torce?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.