Noticias

Rogério Ceni diz que não recebeu um centavo do Cruzeiro

Rogério Ceni será o convidado do programa Bola da Vez, da ESPN, no próximo sábado, às 23h, e dará detalhes da passagem conturbada pelo Cruzeiro no ano passado. Em declarações já divulgadas pela emissora, o treinador de 47 anos separa bem o que é o clube e as pessoas que o comandaram. Apesar de grande admiração pela instituição, ele lamenta que, até hoje, não tenha recebido nenhum centavo pelo trabalho que executou entre 11 de agosto e 27 de setembro de 2019. Ainda assim, preferiu não ir à Justiça. Ceni ainda lamentou muito a queda à Série B e afirmou que, se tivesse ficado na Toca da Raposa II, teria conseguido evitá-la

Lamento muito não conseguir ajudar, mas uma coisa eu te digo: se eu tivesse ficado, com as mudanças que estavam sendo implementadas, o Cruzeiro não iria para a Série B. Isso eu garanto para você. Eu acho que o Cruzeiro conseguiria escapar da zona do rebaixamento”, disse o treinador, atualmente no Fortaleza.

Trabalhou e não recebeu

O treinador lembrou ainda que teve grande prejuízo financeiro na passagem pelo Cruzeiro por ter assumido gastos na saída do Fortaleza e por jamais ter recebido um centavo na gestão de Wagner Pires de Sá. Nem mesmo o Conselho Gestor e a atual gestão, de Sérgio Santos Rodrigues, teriam o procurado para um acordo.
“Além do que eu paguei para trabalhar no Cruzeiro, é bom esclarecer isso. Eu gastei muito dinheiro para ir para Minas e nunca recebi um centavo por um dia de trabalho até hoje. Nunca entrei na justiça contra ninguém, não gosto disso, mas isso é muito triste, não receber uma ligação sequer. Absolutamente nada. Eu fico triste porque é um grande clube, mas eu gastei dinheiro! Paguei rescisão contratual de onde eu morava, rescisão contratual de onde eu aluguei imóvel, mais transferência, carro etc”, contou Ceni.

A reportagem pediu um posicionamento à atual gestão do Cruzeiro sobre a afirmação de Ceni.

Categorias:Noticias

Para que time você torce?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.