COPA LIBERTADORES

Colorado vence o América de Cali por 4 a 3

De volta à Libertadores após 188 dias, o Inter vence o América de Cali por 4 a 3 no Beira-Rio, se isola na liderança do Grupo E e os jogadores ensaiam uma comemoração tímida no gramado, com caras de poucos amigos. O semblante é muito mais de um alívio explicado em uma frase por Eduardo Coudet nesta quarta-feira

Eram 10 desfalques no elenco para a retomada da Libertadores. E o Inter precisou de exatos 44 segundos para abrir o placar e mostrar que talvez – e só talvez – não sentisse os efeitos da baixas. Com 18 minutos, o Colorado já vencia por 2 a 0.

E com dois gols desenhados por Coudet. No primeiro, a equipe trabalhava a bola pela direita. No outro lado do campo, Uendel aparecia bem aberto, rente à linha lateral, e dava amplitude ao time.

Foi lá que Rodrigo Lindoso encontrou o lateral com liberdade em um lançamento preciso, seguido de uma jogada individual ainda mais primorosa. Uendel entortou o marcador e cruzou na cabeça de Abel Hernández para abrir o placar.

A escolha pelo uruguaio para formar dupla com Thiago Galhardo se provou acertada também pelos outros dois gols. Com um atacante de origem no setor, o Inter teve mais profundidade e presença de área. Foi assim que Uendel encontrou o artilheiro com um passe vertical, pela esquerda.

Para que time você torce?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.