Cavani tem “tudo a ver” com o Grêmio

Presidente confirma consulta, diz que Cavani tem “tudo a ver” com o Grêmio, mas descarta negócio


Romildo Bolzan Jr. salienta que é impossível competir com clubes europeus que tentam contratação do atacante uruguaio e freia euforia da torcida

A torcida do Grêmio até se animou com o nome de Edinson Cavani, mas a possibilidade do atacante uruguaio jogar no clube é um sonho distante. Nesta quarta-feira, o presidente Romildo Bolzan Jr. confirmou que o clube conversou com o jogador há tempos atrás e fez uma consulta, mas descartou mais uma vez qualquer possibilidade de contratação, ao menos neste momento.

Cavani está livre no mercado após o fim de seu contrato com o PSG. Diretamente de Salvador, onde o Grêmio se encontra um dia antes de encarar o Bahia pelo Brasileirão, o presidente Romildo concedeu uma entrevista coletiva. Em uma das perguntas, afirmou que o uruguaio tem “tudo a ver com o Grêmio”, mas reiterou que não há como o clube avançar numa negociação pelo jogador.

Torcedor conversa com Cavani, e trio fica até de madrugada no aeroporto
– O atrelamento do Cavani ao Grêmio é cultural. Tem tudo a ver. Não foi do Grêmio que saiu essa informação. Tempos atrás fizemos uma consulta, não por videoconferência. Conversamos com o Cavani, ele debatia com outros clubes. Não é o Grêmio que competirá com clubes da Europa. Vamos voltar para a racionalidade. Não quero frustrar ninguém. Se um dia tivermos como fazer uma aquisição dessas, teremos o maior prazer. Mas nesse momento, o jogador negocia na Europa, não temos como avançar. Pés no chão – explicou o mandatário.