Náutico enfrenta Brasil de Pelotas no RS

O confronto entre Brasil de Pelotas e Náutico, neste sábado, será a disputa entre dois times que chegam para confirmar um embalo na Série B. Se os pernambucanos querem a terceira vitória seguida (e sétimo jogo sem derrota), para colar no G4 e entrar de vez na briga pelo acesso, os gaúchos vêm de vitória sobre o poderoso Cruzeiro e querem o segundo triunfo para se afastar do Z4. O jogo acontece neste sábado, com mando xavante.

Após um início turbulento de Brasileiro, largando na zona de rebaixamento, o Náutico passou por mudanças no comando técnico, no elenco e, principalmente, na proposta tática. Com isso, o time cresceu em campo, apesar de seguir com carências latentes, e já emendou duas vitórias consecutivas, contra Guarani e Figueirense, e, agora, chega para enfrentar o Brasil a três pontos da quarta colocada, Chapecoense. Assim, a partida vale, para o Timbu, colar na briga da parte superior e consolidar a virada de chave no time.

E, para isso, a partida contra o adversário instável pode ser uma oportunidade a mais para a reafirmação do Timbu. Ainda sem convencer na temporada, o time gaúcho chega para o jogo vindo de sua primeira vitória na Série B, contra o Cruzeiro, em um jogo marcado pela grande atuação do seu goleiro, Rafael Martins. Ainda assim, foi apenas o quinto triunfo xavante em 2020. Com seis pontos o time é 13º colocado do torneio.

Para superar o rival, porém, o Náutico terá que lidar com um grande empecilho. Principal jogador do Náutico nesta temporada, presente em todos os jogos alvirrubros na Série B e autor de três gols nos últimos três jogos, o meia Jean Carlos, com dores na coxa direita, é desfalque certo para a partida. Além dele, o zagueiro Rafael Ribeiro também fica de fora, reforçando a extensa lista de zagueiros lesionados na Rosa e Silva.


HISTÓRICO DO CONFRONTO


Com poucos jogos na história, o Náutico chega para a partida em busca de sua primeira vitória no Bento de Freitas. Foram apenas quatro confrontos entre os times, com jogos nas Segundonas de 2016 e 2017. Se todos os mandos alvirrubros renderam vitórias para o Timbu, os jogos no Rio Grande do Sul foram um empate e uma derrota, algo que o Alvirrubro busca reverter a partir das 21h deste sábado, na partida válida pela oitava rodada da Série B.


FICHA DO JOGO
Brasil de Pelotas
Rafael Martins; Rodrigo Ferreira, Lázaro, Leandro Camilo e Bruno Santos; Sousa, Bruno Matias e Gegê; Matheus Oliveira, Danilo Gomes e Gabriel Poveda (Jarro Pedroso). Treinador: Hemerson Maria.

Náutico
Jefferson; Hereda (Bryan), Camutanga, Fernando Lombardi e William Simões (Erick Daltro); Rhaldney, Jhonnatan, Jorge Henrique e Thiago (Dadá Belmonte); Erick e Salatiel Júnior. Técnico: Gilson Kleina.

Local: Bento de Freitas, em Pelotas/RS
Horário: Sábado, às 21h
Árbitro: Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)
Assistentes: Andrea Izaura Maffra Marcelino de Sa e Daniel de Oliveira Alves Pereira (RJ)