Torcedores do Palmeiras vão à sede da FPF protestar

Um dia depois do empate por 0 a 0 no jogo de ida da final do Campeonato Paulista, contra o Corinthians, um grupo de torcedores do Palmeiras foi à sede da Federação Paulista de Futebol, na tarde desta quinta-feira, protestar contra a escala de arbitragem.

Com gritos e faixas, os torcedores questionaram o fato de a FPF não designar a arbitragem por meio de sorteio, e sim por escolha da Comissão de Arbitragem.

O protesto ocorreu no momento em que foi definida a escalação de Luiz Flávio de Oliveira como árbitro principal do segundo jogo, marcado para 16h30 (de Brasília) de sábado, na arena palmeirense

No primeiro jogo, em Itaquera, o árbitro escalado foi Raphael Claus, que havia trabalhado nas duas partidas anteriores do Corinthians.

Além disso, o quinto árbitro (Anderson José de Moraes Coelho) e um árbitro assistente (Daniel Paulo Ziolli) escalados neste meio de semana tinham trabalhado na polêmica final de 2018 entre os dois rivais